segunda-feira, dezembro 08, 2008

ESPAÇOS PERDIDOS

"Espaços Perdidos ­ Coimbra" é o nome do livro que vai ser apresentado no domingo, 14 de Dezembro, às 17 horas, no Teatro da Cerca de S. Bernardo, naquela cidade. A sessão conta com a colaboração especial de actores da companhia de teatro, Escola da Noite, e de antigos frequentadores dos Espaços Perdidos. Dia 16, às 18.30h, nova sessão, mas no Corte Inglês, em Lisboa.

O livro, coordenado por João Figueira e editado pelas Edições MinervaCoimbra e Ideias Concertadas, é um regresso aos velhos cafés e teatros de Coimbra e às estórias vividas nesses espaços, desaparecidos nas últimas duas décadas.

Arcádia, Avenida, A Brasileira, Clepsidra, Mandarim, Moçambique, Sousa Bastos e a Tasca do Pratas são os cenários escolhidos para o desfiar de um belo conjunto de textos que mostram ao leitor uma Coimbra irreverente, culta, boémia e solidária.

Da autoria de Álvaro Vieira, Graça Barbosa Ribeiro, João Mesquita, Júlio Roldão, Lídia Pereira, Marco Carvalho e Paula Carmo as estórias reconstituem as ambiências de espaços emblemáticos da história da cidade, ao mesmo tempo que recriam um tempo que marcou Coimbra e as gerações que cresceram e viveram no seu seio.

Em formato de álbum, o livro apresenta, ainda, um pequeno conjunto de ilustrações da autoria de Inês Murta, especialmente concebidas para esta obra.

A apresentação do livro, em Coimbra, será feita em moldes pouco convencionais. O palco do Teatro da Cerca de S. Bernardo vai ser transformado num enorme café, proporcionando a todos quantos ali se dirijam
o ambiente informal das velhas tertúlias de Coimbra.


Recebido de Ideias Concertadas